quarta-feira, 27 de abril de 2011

Ricardo, tornou-se milionário vendendo sua alma.

Em uma tarde de outono em 2006 conheci um senhor que chamarei de Paulo, passado algumas semanas o reencontro novamente, noto que andara preocupado com algo, ao indagá-lo sobre o que lhe perturbara  ele me respondeu que um velho amigo havia  o enviado uma carta avisando que  faria uma visita em breve. Perguntei a ele o porque de uma simples visita o deixar tão preocupado e ele me respondeu:
A pessoa que virá me visitar chama-se Ricardo, há muito tempo já não tinha contato com ele, prefiro distância dele, a sua história de vida realmente me assusta.
-         Importaria-se em me contar?
Posso contar, mas nunca havia contado a ninguém e talvez você nem acredite mas irei contar.

Ricardo e eu somos amigos de infância, e tínhamos mais três amigos (nomes fictícios: Samuel, Carlos, Manuel), freqüentávamos a mesma turma do colégio mas de todos apenas Ricardo não se interessara nem um pouco nos estudos, estava sempre falando sobre um velho senhor que conhecera e que lhe contara muitas coisas sobre o “mundo das trevas” que Ricardo julgara ser muito interessante.
Em um fim de tarde Ricardo nos encontrou muito eufórico com uma madeira aparentemente um pedaço de tronco de arvore (não lembro o nome da arvore) e nos perguntou se éramos destemidos e corajosos, afirmamos que sim e então ele falou o seguinte:
 O velho senhor que tanto vos falo, me ensinou como ver os demônios que saem do inferno e ficam rondando o nosso mundo vocês querem ver?
-         Sim! Mas como?

Vou ensinar, nas primeiras badaladas da meia noite só precisamos encontrar um cachorro que esteja uivando para algum lugar que você olhe e não veja ninguém, pegue esta madeira apóia-se nela ficando de costas para o cachorro e olhe por baixo de suas pernas! Você verá o que o cachorro vê.
Samuel prontamente disse que em sua casa havia um cachorro e que ele tinha muita coragem e curiosidade de ver o que ele via. Então fomos a sua casa.
Eram meia noite saímos despertados pela curiosidade do cão que não parava de latir Samuel pegou a madeira que estava em baixo da escada e ao chegar próximo ao cachorro seu pai apareceu na janela e perguntou “o que você está fazendo?!”, nada de mais disse Samuel que ao se se posicionar atrás do cão e no momento em que ele olhou por debaixo de suas pernas e viu o que o velho senhor descreverá com “a visão do Inferno”, Samuel virou os olhos caindo ao chão desmaiado.
Desde este dia em diante Samuel perdeu sua capacidade mental não reconhecendo pessoas, falando frases desconexas sem sentido vagando pela casa feito um zumbi.

 Ricardo nas vésperas de completar 27 anos de idade chega a nós com um pergaminho que ele havia assinado “mencionou ser com seu sangue”, deverá ir a uma encruzilhada em uma sexta feira treze levando com sigo um giz amarelo e velas vermelhas.
No sábado encontro Ricardo com uma fisionomia muito assustadora, perguntei o que ocorrera ontem e ele sem exitar me respondeu que ao chegar na encruzilhada riscou um circulo no chão (circulo este que ele não deveria sair de dentro até o fim do ritual), acendeu as velas ao redor, sentou no circulo e começou a ler o pergaminho.
Em seguida surgiu o “Senhor das Trevas” perante ele, e se ele resistisse todas as investidas das trevas ficaria muito rico e nada sofrera como conseqüência, mas Ricardo perdeu a batalha e acabou virando um escravo de Satã, porem se agisse com forme as regras ficaria muito rico.

Depois deste dia fiquei 5 anos sem obter noticias dele, mas um dia estava sentado na porta de casa e parou um carro luxuoso em frente, fique olhando admirado quando saiu do carro um homem muito elegante dirigindo-se a mim e reconheci era Ricardo que fizera me um convite para irmos até uma casa noturna.
Lá estávamos sentados em uma mesa enquanto ele me contava sobre seus carros, festas, dinheiro, muitas mulheres e realmente eu estava com inveja! Quando de repente entra na casa uma linda mulher, Ricardo demonstra interesse e me fala:
Veja só o que eu vou fazer com ela!
Fiquei olhando curioso quando a mulher começou a rir muito e parecendo estar em estado de êxtase total começou a dançar e a  se despir completamente, desmaiando em seguida.
Falei a Ricardo você fez isso?
sim uma pequena amostra de meu poder,
Perguntei a ele sobre um dia me falara que como escravo tinha obrigações a fazer, queria saber qual era mas ele não me disse, e apenas falou que depois que se passa para o outro lado não se pode mais fugir, pois dentro de mim a pequenos filetes de ouro que faz com que os demônios nunca me percam de vista, pois se você não sabe os anjos podem saber onde você esta, em qualquer lugar que você for mas os demônios não têm este poder por isso eles usam estes tipos de artifícios!
Ricardo ficou hospedado em minha casa, falara que gostaria de ir acampar para pescar e me pediu para ir com ele, rejeitei o convite com a desculpa de que não me sentira bem para sair e Ricardo disse, não há problema, pois vou convidar nosso antigo amigo de escola o Carlos.
E eles foram acampar, mas dois dias depois eis que chega Ricardo sem o Carlos e pergunto-o onde está o Carlos, ele meio sem jeito me respondeu que Carlos havia se perdido em alguma trilha por lá, sinceramente não acreditei, na minha opinião ele sacrificou o Carlos em troca de mais alguns anos aqui na Terra! Depois disto Ricardo fez as malas e foi embora.

Quatro anos depois recebi uma ligação avisando que Ricardo havia batido sua Ferrari, na selva Amazônica e a policia decretou sua morte pois seu corpo não foi encontrado no local, e por ser um local com muitos animais selvagens possivelmente seu corpo tenha sido devorado.

Estava pegando um copo de vidro para tomar um suco quando meu pai me falou:
Sabe quem virá nos visitar?
-quem?
-O seu amigo o Ricardo!
Quando meu pai terminou de pronunciar o nome dele o copo estourou na minha mão, disfarçadamente falei que o copo havia caído ao chão.
Horas antes da chegada de Ricardo recebo a noticia de que nosso amigo Manuel havia falecido, sem causa aparente, simplesmente fora se deitar e nunca mais acordou.
Quando ele chegou perguntei a ele, você não havia morrido? E ele me falou que tinha que me contar o que o acontecera.
Disse que depois do acidente acordou no inferno, ficou lá por dez minutos e na Terra se passaram cinco anos e Satã veio pessoalmente falar com ele dizendo que iria lhe mostrar a sua futura morada depois da morte, veja como ele me descreveu o local:
Era muito abafado com um odor insuportável, quase não havia luz e lembrava uma cidade muito antiga, escutava-se gritos assustadores de pessoas sendo torturadas, tinha pedaços de corpos se decompondo nas ruas e estes pedaços de corpos se mexiam como se estivessem vivos e os que tinham ainda suas cabeças ficavam gritando, olhavam como se pedissem socorro, eu não sei descrever quem são mais eles passavam pelas travessas dos locais vestidos de capa preta, capuz e dava para ver os chifres aparecendo fediam muito, tinham pelos grossos e longos pelo corpo e o rosto era algo demoníaco e pelo que eu percebi suas funções eram buscar pessoas que acabaram de falecer na Terra e por seus crimes iriam pagar na eternidade, esses demônios passavam arrastando estas pessoas desacordadas.
Satã disse que apenas poderia me mostrar a entrada do inferno os locais realmente macabros onde pessoas eram castigadas, cozinhadas e serviam de alimentos para as bestas, ou o subterrâneo de lá era proibido para eu ver pois se entrasse lá nunca mais sairia, depois ele me perguntou se estou arrependido e se eu gostaria de cancelar o acordo esta era a minha chance, mas disse a ele que não, pois iria até o fim, então ele me falou que eu viveria até os 96 anos de vida.

Perguntei a Ricardo porque ele não escrevera um livro contando sua história e ele me falou que a curiosidade mata, e se alguém quer saber como é que venda sua alma!
Mas então pelo menos você poderia me descrever como é o Diabo?
Se tiveres tanta curiosidade de saber como ele é faça o seguinte, em uma sexta feira santa, perto da chegada da meia noite, dance bastante, beba e agite! Depois procure uma porta fechada que se possa olhar através da fechadura e do outro lado você verá com seus próprios olhos o Diabo dançando para você!
Antes de Ricardo ir embora de minha casa ele me deu de presente cerca de cem mil reais para eu me divertir como disse ele, e foi embora para os Estados Unidos.

Muitos anos depois recebo uma carta dele informando que agora está com 66 anos, vive isolado com sua fortuna sem amigos, em um castelo moderno que ocupa uma área rural muito grande afastada da cidade.
Ele informa também que vira me ver, mas não diz a data.

A ultima vez que encontrei o senhor Paulo falei a ele de um sonho extremamente perturbador e muito real, era mais ou menos assim:
Andara por um local ermo, quando fiquei preso num circulo no chão que eu não havia avistado e do nada surge um senhor moreno de terno escuro, alto, e quando tentei olhar para seu rosto não consegui erguer a cabeça e ele apenas me perguntou se eu gostaria de ter uma grande oportunidade em minha vida, em seguida acordei!
Paulo retrucou, pois é você teve a chance de conhecer o Ricardo.

Escrito por Márcio, quintafeiradoze.blogspot.com


Tópicos Relacionados:

.
Alguma Postagem infringe direitos autorais, Fonte incorrta, Informe quintafeiradoze@hotmail.com

1 comentários :

Anônimo disse...

nuss nao acredito nisso. mais é bem interessante

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós!

Todos podem comentar.

Obrigado pela sua visita!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...